Pages

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Seara recebe proposta da CEF para Programa Minha Casa, Minha Vida Rural

O secretário de Estado de Assuntos Fundiários e Apoio à Reforma Agrária, Rodrigo Fernandes, se reuniu na manhã desta sexta-feira (27) com representantes da Caixa Econômica Federal (CEF) em busca de parceria para que os projetos do Programa Nacional do Crédito Fundiário (PNCF) sejam contemplados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida Rural (MCMVR) no estado.

O encontro foi realizado no auditório do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), e contou com a participação de representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Florânia, Cooperativa Terra Livre, Federação dos Trabalhadores na Agricultura do RN (Fetarn) e Evolução Projetos.

O objetivo da reunião foi apresentar aos participantes o Programa Minha Casa, Minha Vida Rural, inserindo as habitações em projetos de assentamentos do PNCF, além de outras políticas públicas operadas no âmbito da Caixa Econômica Federal.

O Programa consiste em dar concessão de subsídios, com recursos do Orçamento Geral da União (OGU), aos agricultores familiares do estado. Para que o agricultor seja contemplado com o Programa é necessário ter renda anual de até 15 mil reais. O subsídio por família será de 17,5 mil para reforma e 28,5 mil para construção de moradias, sendo a contrapartida do agricultor de 4% do valor, divida em quatro parcelas iguais.

Para o titular da Seara, Rodrigo Fernandes, esse foi o momento de aproximar a Caixa Econômica Federal do governo do Estado, levando informação para as entidades e parceiros da Seara no intuito de proporcionar aos agricultores uma melhor qualidade de vida na zona rural do estado.

Considero importante para o Programa de Crédito Fundiário a finalização da parceria entre a Seara, CEF e organizações no sentido de beneficiar os agricultores familiares que integram o PNCF, seja construindo ou reformando as unidades habitacionais deles”, disse Marcos George, assessor da Fetarn.

O governo do estado, através da Seara, vem se empenhando para que esta parceria seja firmada e, assim, beneficie o trabalhador rural potiguar.

“O encontro com a Seara e a CEF foi muito importante. Nós iremos levar todas as informações aos agricultores, afinal, nossa cooperativa atende mais de mil famílias, distribuídas em trinta em cinco municípios do estado”, ressaltou Gladsney Nunes, presidente da Cooperativa Terra Livre.

Nenhum comentário: